Chico- o Jumentinho

Postado em 01/03/2013- em 30/11/2012 levamos o Chico até o sitio que seria sua nova casa, estava um pouco agitado mas não precisou ser sedado, fizemos tudo com calma para que não fosse traumático para ele. Estávamos apreensivos  pois não sabíamos como a Fiona iria reagir com a chegada do burrinho, colocamos ele no pasto e quando tiramos o cabresto ele correu para longe de nós, logo veio a Fiona pois viu o intruso baixinho invadindo o território, se cheiraram, deram uns coices no ar e a Fiona foi para longe. Saímos de lá com o coração na mão ao ver aquele olharzinho “Vocês vão me deixar aqui?”. Claro que no outro dia arrumamos um tempinho para ir até lá ver como estava tudo, para nossa surpresa os dois estavam pastando juntos, ficamos super felizes, a Fiona, apesar de ter aceitado o Chico, estava com muito ciúme, queria toda a cenoura só para ela e não queria deixar ele comer nada,  mas  adorou ter companhia novamente depois de muito tempo sozinha. De lá para cá, os dois só ficaram mais amigos, estão sempre juntos nos mesmos locais, correm e fazem rolinho, estão adorando ter a companhia um do outro. Logo que fizemos a mudança o Chico começou a mancar,  estava com  problemas nos cascos devido a nunca ter recebido os cuidados necessários, desconfiam que ele tenha algum problema na perna, porque o joelho é sempre um pouco inchado, algo que ainda teremos que investigar, por enquanto o corte e lixamento dos cascos em conjunto  com um antinflamatório resolveu, e ele não mancou mais.

Eles ficam direto soltos no pasto , correm e brincam, lá tem água corrente limpinha para beberem e se refrescarem quando está muito quente. Fizemos alguns reparos no local, liberamos  duas  áreas cobertas individuais,  para que tenham abrigo na chuva e no frio.

Toda semana vamos até lá para visitá-los, levar uma cenourinha…….. ficar com eles um pouco e verificar se está tudo bem. O nosso Chiquinho está muito feliz, mais manso, carinhoso com quem ele conhece, e amistoso com quem ele não conhece, nem parece o mesmo burrinho que encontramos em Setembro, um animalzinho  assustado, acuado e humilhado.


Postado em 5-11-12- O Chico  foi castrado em 17-10 e decidimos deixá-lo por um mês no local provisório, até ele confiar um pouco mais em nós e se acalmar, apesar dele adorar a companhia de outros animais e ser um  animal sociável com animais, ficamos receosos que  ele tentasse aprontar com a égua que será sua companheira daqui para a frente. Onde está ele fez amizade com uma mulinha, os dois ficam se cheirando pela fresta da parede, também tentou fazer amizade com os cavalos mas eles fugiram dele.

Já está muito mais manso, porém não podemos fazer movimentos bruscos e nem falar muito alto perto dele, é desconfiado  com estranhos e só confia em poucas pessoas, tem medo de gente.

Acompanhe nas fotos como o Chico está, ele adora cenoura. É um comilão e um fofo.

 

O Chico é um jumentinho que veio dentro de um caminhão do nordeste para Joinville.

Extremamente assustado, medroso e agressivo quando o vimos pela primeira vez.  Hoje está em processo de recuperação da cirurgia de castração, depois será encaminhado para um sítio, onde ficará solto no pasto e será o companheiro de uma égua também aposentada.

A Mia Vida precisa muito de ajuda para pagar as despesas de transporte, hospedagem, castração, vermífugo, etc, que tivemos e ainda teremos com o Chico. Você quer ajudar? Entre em contato com informacao@miavidaprotecaoanimal.org

Conheça a  História do Chico:

No dia 29/9/2012 a Mia Vida recebeu uma denúncia sobre um jumento que  foi fechado em um cercado sem água e comida, segundo o denunciante, a pessoa que tratava achou que ele havia se comportado mal, e por isso quis dar um castigo no animal, como se ele fosse entender, os humanos erram e os animais são os culpados. Os denunciantes, com pena do animal, pois estavam vendo o jumentinho definhar, começaram a colocar colocar água e um pouco de comida para ele todos os dias.

Os voluntários se dirigiram até o local onde estava o jumento, a partir daí,  todos os dias  levávamos capim fresco, alfafa e água para ganharmos sua confiança e tentar fazer com que ele ficasse menos assustado, até conseguirmos resolver o caso. Foi Batizado por nós de Chico, o brasileirinho-  o nome de São Francisco, protetor dos animais.

Depois de algumas conversas, o proprietário do jumento formalizou a doação do animal para a Associação Mia Vida.

A Associação assumiu um compromisso com o Chico, para que ele tenha uma vida digna e feliz.

Cuidar e resgatar um jumento é muito diferente do processo com pequenos animais, pedimos a ajuda de pessoas que entendem de grandes animais, duas veterinárias colaboraram de forma inestimável,  ajudando a retirar o Chico do local onde estava e transportando para um local provisório, onde ele foi castrado, queríamos fazer tudo da melhor forma possível, para que o Chico tivesse a experiência de ser tratado com carinho e não com pancadas.  Outros  também nos ajudaram, pois é algo que necessita de mais pessoas para ser realizado. No dia programado para a   retirada do local chovia demais em Joinville, e claro que o Chico não queria colaborar, fugiu pois estava assustado, depois de muita conversa com ele, e também de nos afundarmos na lama, conseguimos colocá-lo novamente no cercado, então   as veterinárias aplicaram um leve sedativo para que ele se acalmasse um pouco.  Aí ele foi transportado e levado para o local onde seria castrado. Por enquanto ele está neste local. Postado em 19-10-12

A Mia Vida precisa muito de ajuda para pagar as despesas de transporte, hospedagem, castração, vermífugo, etc, que tivemos e ainda teremos com o Chico. Você quer ajudar? Entre em contato com informacao@miavidaprotecaoanimal.org

 

 

 

 

 

 

 

A Mia Vida precisa muito de ajuda para pagar as despesas de transporte, hospedagem, castração, vermífugo, etc, que tivemos e ainda teremos com o Chico.

Você quer ajudar?

Entre em contato com informacao@miavidaprotecaoanimal.org

Quer conhecer mais sobre os jumentinhos?

http://burricadas.org

ONG de Portugal  para a preservação e  proteção aos Burrinhos.